Melhor empresa para se trabalhar na indústria do RS

segunda-feira, Junho 19, 2017

Elaborado pela revista Amanhã e Instituto Great Place to Work (GPTW), o ranking apresenta a John Deere como “A Melhor do Setor de Indústria”. Além disso, a empresa conquistou também a segunda colocação na classificação geral, denominada “Grandes Empresas”.

Neste ano a iniciativa contou com 89 empresas participantes, em um total de mais de 64 mil pessoas consultadas. O estudo identifica companhias que oferecem os melhores ambientes de trabalho do Estado e conta como base de dados o nível de confiança dos funcionários em dimensões como credibilidade, respeito, imparcialidade, orgulho e camaradagem. Práticas culturais de gestão de pessoas também são levadas em conta para a equação final. Nos cinco anos de existência do prêmio regional, a John Deere esteve presente em todas as listas finais divulgadas.

“O Rio Grande do Sul é a primeira ‘casa’ da John Deere no Brasil, com as unidades de Montenegro e Horizontina. Ser a indústria mais atrativa para que trabalhadores da região possam desenvolver plenamente suas atividades demonstra nossa preocupação em criar e estabelecer cada vez mais o engajamento positivo de todos em prol da companhia”, afirmou Thomas Peuntner, diretor de Recursos Humanos da John Deere.

Criado no início da década de 1980 nos Estados Unidos, o Instituto Great Place to Work atua em 53 países. A instituição divulga bons exemplos gerenciais das companhias a fim de estimular melhorarias nos ambientes de trabalho.

“Por ser um levantamento detalhado sobre o que há de mais moderno nas práticas de gestão de pessoas, que leva em conta desde análises objetivas até sentimentos, figurar há tanto tempo no ranking é um orgulho, que já gera o desafio de honrar o prêmio recebido e melhorar para estar presente nas próximas edições”, complementou o executivo.

Em agosto, na versão nacional do Great Place do Work, a John Deere figurou na 20ª colocação. Atualmente a companhia possui cerca de 4 mil funcionários, alocados nas unidades de Montenegro (RS), Horizontina (RS), Catalão (GO) e Indaiatuba (SP), além de possuir escritórios em Barueri (SP), Indaiatuba (SP) e um Centro de Distribuição de Peças em Campinas (SP). 

 

Fonte: Agrolink



Share